Get Adobe Flash player

UTILIDADE

.

O G1.com divulgou hoje um levantamento preocupante. As universidades federais tiveram em 2017 o menor repasse de verbas em sete anos, segundo dados exclusivos obtidos pelo site.

.

Entre as 63 instituições, 90% operam com perdas reais em comparação a 2013, ou seja, na prática o orçamento para gastos não obrigatórios está menor. Nesse período, o repasse total garantido pelo MEC encolheu 28,5%.

.

A redução da verba está na contramão da recente política de expansão da rede federal de ensino superior, iniciada em 2008 e que inclui a criação de novas universidades (do zero ou a partir do desmembramento de federais já existentes), a construção de novos campi e o aumento de matrículas. Expandir a participação do setor público na educação superior é uma metas do Plano Nacional de Educação (PNE).

.

O levantamento considera um período de 10 anos para evitar comparações concentradas em anos eleitorais, que podem gerar repasses atípicos. Mas concentra-se nos repasses feitos a partir de 2013 porque foi nesse ano que o MEC concluiu a criação das quatro últimas federais do conjunto de 63 Esse número se manteve até 2018, quando quatro novas federais foram criadas.

.

O valor “empenhado” representa uma reserva de dinheiro, ou seja, o valor que o governo federal se compromete a repassar para uma determinada ação. Após empenhado, o valor pode acabar não sendo usado pelas universidades por vários motivos, mas o Ministério da Educação diz que não tem ingerência sobre as demais fases da execução do orçamento.

.

Você acompanha todos os detalhes, clicando aqui. 

.

O Pinga-Fogo, edição 1247, está no ar!

.

Você confere este e os outros clicando aqui.

.

Boa leitura!

.

#AssufemgViva!

.

O Museu Casa Padre Toledo, do Campus Cultural UFMG em Tiradentes, inaugura nesta quinta-feira, 28, a exposição Frei Vellozo, cientista e editor.  O evento resgata um pouco da memória e da obra deste pioneiro da ciência brasileira, em homenagem a sua cidade natal no ano em que se comemora os 300 anos de Tiradentes.

.

A mostra será aberta dentro da programação do 2º Festival de Artes & Tradições de Tiradentes e permanece até dezembro no museu.

.

Frei Vellozo, cientista e editor é um desdobramento do projeto da pesquisadora Maria das Graças Lins Brandão, iniciado em 2017, no âmbito do Programa Professor Residente em Tiradentes. A professora da UFMG realizou uma revisão minuciosa da obra Flora Fluminensis, escrita no século 18 pelo Frei, e considerada a primeira obra de botânica do país.

.

A partir do trabalho de recuperação de dados e imagens das quase duas mil espécies vegetais registradas na obra, Maria das Graças identificou 371 plantas úteis e medicinais, cujas informações, atualizadas e organizadas, serão reunidas em livro. O projeto ainda gerou atividades de divulgação científica nas escolas das redes municipal e estadual da região.

.

FREI VELLOZO

.

Nascido na antiga Vila de São José, atual Tiradentes, o frei José Mariano da Conceição Vellozo (1742-1811) foi um dos mais importantes cientistas de sua época. Como naturalista autodidata, chefiou expedições botânicas entre 1783 e 1790, a pedido do Vice-Rei do Brasil, Dom Luís de Vasconcelos.

.

Ao longo de oito anos, Frei Vellozo e sua equipe realizaram um extenso levantamento da flora da Capitania do Rio de Janeiro e de partes de São Paulo. O trabalho resultou em sua obra monumental, Flora Fluminensis, que traz a descrição de 1.639 espécies de plantas, publicada após a sua morte.

.

(Com DAC/UFMG)

.

Tem início ainda neste mês, o IX Seminário dos Motoristas Oficiais de Veículos Federais das Instituições Federais de Ensino. O evento, promovido pelo SINDIFES e com apoio da Assufemg, será realizado nos dais 28, 29 e 30 de junho, no auditório Luiz Pompeu, na Faculdade de Educação da UFMG (FaE).

.

O objetivo da ação é reunir os Técnico-Administrativos em Educação no cargo de Motorista para discutir as condições e a jornada de trabalho, o risco de vida, assédio moral, a carreira, conjuntura nacional, o avanço da terceirização do cargo, a necessidade de concurso público e a qualidade de vida.

.

As inscrições ainda podem ser realizadas através do formulário abaixo:

.

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdopjD3a26z6dTHCetyBS00nArBiRJes5es5F2q83uN05H51g/viewform

.

O investimento é de R$ 250,00 com hospedagem e transporte para o evento e R$ 150,00 sem a opção de hospedagem e transporte.

.

Para confirmar a inscrição é necessário fazer o depósito na conta do SINDIFES e enviar uma cópia do comprovante para financeiro@sindifesbh.org.br

.

Dados da Conta: Caixa Econômica Federal | Banco 104 / Agência 0821 / Conta Corrente 20-3 / Operação 003

.

Informações: 3441-0868.

.

Programação

.

28/06 – Quinta
Local: Auditório Luiz Pompeu – Faculdade de Educação da UFMG

.

8h – Credenciamento
9h – Abertura
9h30 às 12h – Análise de Conjuntura: Beatriz Cerqueira (CUT-MG) e Cristina del Papa (SINDIFES)
12h às 13h – Almoço
13h30 às 16h – Palestra sobre Carreira (FASUBRA)
Palestra sobre Terceirização (DIEESE)

.

29/06- Sexta
Local: Auditório Luiz Pompeu – Faculdade de Educação da UFMG

.

9h às 12h – Palestra sobre Saúde Dr. Dirceu (CASU)
Palestra sobre Qualidade de Vida – Priscilla Vasconcelos – Assistente Social do SINDIFES
Palestra sobre Preparação para aposentadoria
12h às 13h – Almoço
13h30 – Palestra: Atualização de Legislação de Trânsito (Polícia Rodoviária Federal e SEST/SENAT)
16h30 às 17h30 – Debate

.

30/06 – Sábado
Local: ASSUFEMG

.

8h – Café
9h às 12h – Mesa de Relatório Final e Fechamento
12h – Almoço

.

Atenção para o horário de expediente da Assufemg nos dois próximos jogos da Seleção Brasileira na Copa do Mundo 2018.

.

  • 22/06, sexta-feira, Brasil x Costa Rica – jogo às 09h (horário de Brasília). O expediente será 13h às 18h.

.

  • 27/06, quarta-feira, Brasil x Sérvia – jogo às 15h (horário de Brasília). O expediente será de 08h às 13h.

.

Informações: 3439-8110.

.

Abriu nesta terça-feira, 19/06, o calendário para filiação ao Centro Esportivo Universitário da UFMG (CEU). O período é referente ao 2º semestre de 2018, de 01/07/2018 a 31/12/2018.

.

Podem se filiar alunos de Curso de Extensão, alunos de outras Faculdades; Cruz Vermelha; Ex-Aluno; Fundações de Apoio; Dependentes de Servidor/UFMG; Servidor Terceirizado/UFMG.

.

Informações nos telefones 3409-2374 / 3409-2367, ou pelo site: https://www.ufmg.br/ceu

 

.

A Pró-reitoria de Extensão divulgou nesta quarta-feira, 20/06, o edital de fomento de bolsas de extensão para programas e projetos. Servidores docentes e técnico-administrativos em educação têm até 4 de setembro para submeter propostas para concorrer bolsas para discentes da graduação nas modalidades PBEXT e PBEXT Ações Afirmativas.

.

A chamada visa estimular a participação de estudantes nos programas ou projetos de extensão, estimular o espírito crítico e contribuir para a formação acadêmica e atuação profissional pautada na cidadania e na função social da educação superior.

.

As propostas submetidas deverão estar de acordo com os conceitos de “extensão universitária”, “programa” e “projeto” estabelecidos pela Política Nacional de Extensão Universitária. Cada candidato poderá submeter apenas uma proposta. As bolsas aprovadas terão vigência de março de 2019 a fevereiro de 2020.

.

O edital contendo as instruções do PBEXT pode ser consultado no site da Proex: https://www2.ufmg.br/proex/Noticias/Noticias/Submissoes-Pbext-2019

.

(Com CEDECOM/UFMG)

Notícias por categoria
Notícias anteriores
Comentários