Get Adobe Flash player

SAÚDE

salDe acordo com estudo publicado nesta quarta pela revista médica britânica The Brithis Medical Journal, diminuir em 10% o consumo de sal poderia salvar milhões de vidas.
O sal aumenta os riscos de hipertensão e de doenças cardiovasculares.Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), a maioria dos adultos consome mais do que a quantidade recomendada de 2 gramas de sal por dia, no máximo.
O excesso de sal, presente principalmente em alimentos industrializados, está na origem de cerca de 1,65 milhão de mortes provocadas por doenças cardíacas em todo o mundo, de acordo com a OMS.
O sócio da Assufemg pode se consultar no Posto Médico da Associação para tirar todas as dúvidas com seu médico.

denguComeçou a ser testada nesta terça-feira, 06/12, em Belo Horizonte, a vacina contra a dengue. A vacina foi desenvolvida pelo Instituto Butantan e será coordenada em sua fase de testes pelo Departamento de Bioquímica e Imunologia do ICB (Instituto de Ciências Biológicas) da UFMG.

.

A Universidade será a responsável pelo recrutamento, vacinação e acompanhamento dos voluntários da pesquisa na capital mineira. Os testes serão conduzidos na região Noroeste da capital, no Centro de Saúde Jardim Montanhês, o único em Minas envolvido no experimento.

.

Dois terços dos participantes serão vacinados, e o restante receberá placebo. Após a aplicação, os voluntários serão acompanhados durante cinco anos.

.

As duas primeiras fases de testes buscaram comprovar a segurança do imunizante em humanos e aprimorar a substância. Nessa fase, que inclui Belo Horizonte, a ideia é confirmar a eficácia da vacina contra a infecção. No total, 17 mil pessoas de 2 a 59 anos participarão dos testes, aplicados em 13 cidades brasileiras.

.

Na UFMG, a pesquisa envolve, além do ICB, pesquisadores da Faculdade de Medicina. A cerimônia de lançamento da terceira fase de testes da vacina está marcada para as 10h, no Centro de Saúde Jardim Montanhês.

farmácia-01

logo unimedO associado que se interessa em solicitar a adesão no plano UNIPART/FLEX tem até o dia 30 de novembro, impreterivelmente, para comparecer à sede da Assufemg.

.

Com isso, todos poderão, a partir do dia 1º de dezembro, utilizar quaisquer dos serviços médicos oferecidos pela Unimed.

.

Para aderir é indispensável a apresentação das cópias dos seguintes documentos: contracheque e comprovante de residência do associado, RG e CPF de todos os candidatos ao plano e, no caso de cônjuge, apresentar também a certidão de casamento ou declaração de relação estável.

.

Vale ressaltar que, a primeira mensalidade, que varia de acordo com a idade de cada usuário, deverá ser quitada no início de dezembro/2016, somada à taxa de adesão no valor de R$ 12,00, por pessoa.

.

Importante salientar que governo federal instituiu um auxílio à saúde, através da Portaria 03/2009, que contempla todos os servidores federais que pagam um plano de saúde suplementar. Assim a partir do segundo mês, o associado/beneficiário do plano, terá creditado na conta um valor relativo ao ressarcimento, que varia de acordo com a idade e o salário de cada servidor, conforme tabela determinada pelo governo federal.

.

Para mais informações você pode ir pessoalmente na Assufemg/Posto Médico, de 8h às 17h; ou através dos telefones: 3439-8126, 3439-8122, 3439-8103 e 3439-8116

fitanovembroazulSe no mês passado a Assufemg e a sociedade vestiram rosa para o combate ao câncer de mama, novembro foi a vez de todos adotarem o azul. O movimento Novembro Azul alerta para os riscos do câncer de próstata, que segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), acometerá cerca de 15 mil homens no Brasil, em 2016.

.

As ações da campanha podem ser vistas em todo o país, como iluminações de prédios, monumentos, pontos históricos, etc. Na Assufemg não poderia ser diferente. Os funcionários usam uma camisa comemorativa aos dois movimentos: o Outubro Rosa e o Novembro Azul.

.

“Esta campanha é muito benéfica. Ela conscientiza quem precisa de cuidados”, enaltece o urologista Horácio Perez García, que desde fevereiro atende no Posto Médico da Assufemg. “Assim como o Outubro Rosa, o Novembro Azul é focado naquele paciente que nunca se consulta. É dele que precisamos tratar”, complementa.

.

No Pinga-Fogo de agosto, o médico argentino e que mora no Brasil há mais de 20 anos já havia declarado que, apesar do crescente número de homens que consultam um especialista, a quantidade de atendimento ainda é pequena. “Hoje se diagnostica mais a doença. No entanto, a gente precisa aumentar as vezes que homens nos consultam”, diz. Para ele, o motivo da não ida ao médico é simples: “A sociedade ainda impõe certo machismo. E grande parte dos homens associam o exame de toque retal ao ato sexual, o que não tem nada a ver”, finaliza.

.

O câncer de próstata tem maior incidência em homens com mais de 50 anos. Os sintomas, muitas vezes não aparece. Por isso que a prevenção é importante. “O diagnóstico precoce é essencial para que as chances de a pessoa ficar bem aumentem consideravelmente. O ideal é realizar o exame, pelo menos, uma vez por ano, depois dos 40 anos”, ressalta dr. Horácio.

.

O sócio pode marcar consultas com o urologista no Posto Médico da Assufemg através do telefone 3439-8116.

 

TA ROLANDO-01

Você já pode comparecer à Sede da Assufemg para aproveitar a homenagem ao Dia do Servidor do Salão Socila São Luiz, em parceria com a nossa associação.

O evento acontece até 17h. Dá tempo! Vem pra cá. São diversos procedimentos com preços estonteantes. Vários gratuitos!

Mais informações: http://bit.ly/assufemgsocilasaoluiz

SOCILA - site-01É amanhã! Aproveite ao máximo!

Todas as informações você confere aqui: http://bit.ly/assufemgsocilasaoluiz

Notícias por categoria
Notícias anteriores
Comentários