Get Adobe Flash player

ESPORTE

Página 1 de 2512345678910...20...Última »

 

 

O projeto de extensão Iniciação Esportiva busca promover o aprendizado de diferentes habilidades básicas esportivas, sem focar especificamente em uma única modalidade. A iniciação esportiva é fundamental para formar uma base de coordenação e habilidades motoras, bem como estimular a criatividade dos alunos durante o jogo. As atividades envolvem exercícios e jogos com bola utilizando as mãos, os pés e bastões/raquete, de maneira lúdica, criativa e envolvente. Espera-se que uma boa iniciação esportiva melhore o desenvolvimento e a aprendizagem dos esportes nas idades seguintes.

O projeto de extensão Iniciação ao Basquete busca promover o aprendizado do basquetebol de maneira lúdica e criativa, com exercícios e jogos para desenvolver as diferentes habilidades e formas de atuação no jogo de
basquetebol. Os alunos são estimulados a participar de festivais de basquete promovidos pela Federação Mineira de Basketball uma vez por mês, aos sábados,como mais um momento de aprendizagem e participação no esporte. O aprendizado do jogo pelo aluno ocorre gradualmente e em paralelo com valores humanos relacionados à disciplina, trabalho em equipe, respeito aos colegas,professores e árbitros, em um ambiente descontraído e estimulante.

O projeto é desenvolvido pelo CECA – Centro de Estudos em Cognição e Ação – grupo de estudos da Escola de Educação Física da UFMG que investiga os diferentes métodos de ensino dos esportes há mais de 20 anos.

Para dúvidas e mais informações, entre em contato:

E-mail: cecaesportes@gmail.com
Telefone: (31) 3409-2329
Instagram: cecaesportesufmg

 

 

O Projeto Atividade Física para Universitários com Deficiência, promovido pelo Centro Esportivo Universitário (CEU) da UFMG em parceria com o Programa Superar, da Prefeitura de Belo Horizonte, oferece a oportunidade para que alunos da Universidade possam praticar atividades físicas sob a supervisão de profissionais. Serão oferecidas 20 vagas, e as inscrições devem ser feitas até 31 de julho por meio de preenchimento de formulário eletrônico neste link: http://bit.ly/2Lpylc2

As atividades contempladas na UFMG são as de natação e treinamento funcional. As aulas serão realizadas às terças e quintas, sem custos para os participantes, a partir das 8h, no CEU, localizado na Avenida Coronel Oscar Paschoal, região Pampulha.

Alunos de educação física da UFMG, sob a supervisão da equipe técnica do Programa Superar, ficarão responsáveis pela orientação dos participantes, que serão atendidos individualmente ou em pequenos grupos. “Vamos adotar a metodologia mais adequada para cada aluno, conforme a deficiência e a condição física de cada um”, explica uma das professoras do Projeto, Ranalisy Bregalda. Segundo ela, a prática de atividades físicas ajuda na socialização, na melhoria do condicionamento e na autonomia dos estudantes.

Para participar, o universitário deverá apresentar atestado médico recente para a prática de atividade física adaptada, submeter-se a avaliação feita pelos profissionais do projeto e ser sócio do CEU. Inicialmente, apenas alunos de graduação e pós-graduação da Universidade poderão se inscrever.

Mais informações estão disponíveis no site do CEU: https://www.ufmg.br/ceu e podem ser solicitadas pelos telefones 3409-2374 e 3409-2367.

Formação ampliada
A atividade é uma parceria do Superar com a UFMG, por meio do Departamento de Esportes da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional (EEFFTO), do Centro Esportivo Universitário e do Núcleo de Acessibilidade e Inclusão. Nos últimos dois anos, 264 estudantes com deficiência ingressaram na UFMG.

A chegada do programa municipal à UFMG vai gerar intercâmbio de conhecimento e possibilitar aos alunos de educação física a ampliação de sua formação acadêmica na área de inclusão social e a oferta de atividades com benefícios à saúde e à qualidade de vida. Com 16 modalidades esportivas e ocupacionais, o Superar atende 900 alunos com deficiência física, visual, intelectual, auditiva, múltipla e com autismo.

 

No dia 11 de maio, aconteceram as finais do Campeonato de Futebol de Campo do XXXIV Rosas de Abril 2019, que contou com a participação de 8 equipes, de diversos setores da universidade.
Fechando a competição, que teve um grande equilíbrio entre as quatro equipes finalistas e com um ótimo público presente, tivemos a disputa do 3º lugar entre as equipes Áreas Verdes x Borússia FUMP, vencida pelo placar de 3×2 em favor da equipe da Áreas Verdes.
Como já se esperava, o principal jogo foi eletrizante e tenso ao mesmo tempo, entre as equipes Assufemg x Amigos FC (TBI). A ótima equipe da Assufemg, que mescla a juventude com vários jogadores habilidosos não foi capaz de vencer a força, garra e determinação da equipe campeão do Rosas 2019, AMIGOS FC (TBI), que venceu a grande final pelo placar de 2×1 e sagrou-se Bicampeão.
Logo após a partida houve uma grande confraternização de encerramento da competição e entrega dos prêmios.

 

 

No último sábado, dia 04/04 aconteceu no campo da Assufemg, a semifinal do campeonato de futebol de campo do XXXIV Rosas de Abril.

 

– Na primeira semifinal disputada entre Assufemg x Áreas Verdes, o público presente imaginou que a equipe da Assufemg passaria tranquilamente, após estar vencendo o primeiro tempo pelo placar de 2×0 (Diego e Samuel) e dominando plenamente o jogo. Porém, no intervalo após efetuar uma substituição no meio de campo e conversar com seus atletas, a equipe comandada por Zé Bigode se impôs em campo e voltou com outra postura, partindo para cima e empatando a partida em 2×2 (Sebastião e Christian). O que levou a decisão para a disputa de pênaltis, que iniciou com dois batedores da Assufemg perdendo as suas cobranças e colocando a equipe da Áreas Verdes na frente; porém, como no futebol tudo pode acontecer, naquele momento, foi a hora da equipe da Assufemg virar e vencer a disputa pelo placar de 4×3.


– Na segunda semifinal, a disputa da vaga para a finalíssima foi entre Borússia FUMP x Amigos FC (TBI), que se apresentaram com posturas semelhantes demonstrando muito equilíbrio entre as equipes. O Borússia saiu na frente em uma cobrança falta 1×0 (Rogério), ainda no primeiro tempo. Atual campeão da competição, o time da TBI teve que avançar na segunda etapa e tentar de toda forma o empate. Após a equipe do Borússia perder a grande chance de fechar a partida, a equipe da TBI, em um contra-ataque mortal empatou a partida em 1×1 (Telmo), levando a disputa, também, para os pênaltis. Diferente da disputa da primeira partida, não houve muita surpresa, a equipe da TBI confirmou todas as suas cobranças com muita competência, não dando chance para o Borússia, que perdeu uma penalidade e não teve nem chance de cobrar o último pênalti, pois a equipe Amigos FC (TBI) fechou a disputa pelo placar de 5×3.

Página 1 de 2512345678910...20...Última »
Notícias por categoria
Notícias anteriores
Comentários