Get Adobe Flash player
Página 1 de 11
As entidades do FONASEFE (Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais), entre elas a FASUBRA Sindical, e Fonacate (Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado) protocolaram pedidos de audiência com a Presidência da Câmara dos Deputados, a Casa Civil e o Supremo Tribunal Federal (STF) no próximo dia 2/02 (quarta-feira) – dia de mobilizações pela campanha salarial emergencial das servidoras e servidores públicos federais.
O dia 2 de fevereiro terá atividades simbólicas, como parte do processo de mobilização pela recomposição emergencial, com faixaços por todo o país nos órgãos e prédios públicos. Em Brasília, as entidades farão atos, com todos os protocolos de segurança sanitária, com o tema “Reposição emergencial para todos e todas: 19,99% já!”.
Para a FASUBRA Sindical, só a mobilização unificada poderá alcançar a reposição salarial. O governo Bolsonaro manteve a previsão no Orçamento de 2022 de R$ 1,7 bi para o reajuste dos servidores e a intenção é repassar o reajuste apenas para a área da segurança pública e manter o apoio de parte de sua base eleitoral. Outro ataque do Orçamento sancionado na última segunda-feira (24/01) é o corte de R$ 3,9 bilhões nos setores das políticas públicas, da educação, ciência e tecnologia. Este é o momento de buscar a recomposição emergencial, com mobilização unificada do serviço público.
Fonte: https://fasubra.org.br/

Deixe um comentário

Página 1 de 11
Notícias por categoria
Notícias anteriores
Comentários