Get Adobe Flash player
Página 1 de 11

 

 

Membros da comunidade da UFMG podem fazer o teste para covid-19, gratuitamente, no campus Pampulha. A testagem inclui método experimental que utiliza a saliva e o RT-PCR. A coleta do material é feita das 8h às 12h, no pilotis do ICB, e não é necessário agendamento.
O método de saliva está em estágio de validação de acurácia e é conduzido pelo grupo de pesquisa liderado pelo professor Vasco Azevedo, do Departamento de Genética, Ecologia e Evolução do ICB. O método utiliza a espectrometria (Fourier Transform Infrared Spectroscopy [FTIT]), em que a amostra é lida por um aparelho de luz infravermelha.
A validação dos resultados do teste de saliva é feita por laboratórios associados, utilizando o método RT-PCR, que usa amostras colhidas no nariz e na garganta com um swab (semelhante a um cotonete). Os resultados são comparados para confirmação do diagnóstico.
Os testes podem ser realizados mesmo que a pessoa esteja assintomática e não tenha tido contato com pessoas infectadas. Segundo Vasco Azevedo, fazer o rastreio na comunidade da UFMG, mesmo nos assintomáticos, poderá impedir a proliferação do vírus e a garantir um retorno mais rápido às atividades presenciais na UFMG.
Testagem ampliada
Se confirmado que o teste feito com análise da saliva tem eficácia equivalente à do RT-PCR, a técnica será submetida à aprovação da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde. Se for autorizada, a capacidade de testagem brasileira deverá ser ampliada significativamente, de acordo com os pesquisadores do ICB.
A coleta de saliva é mais fácil que a do material de nariz e garganta, e o resultado sai quase imediatamente. O exame não precisa ser feito em um laboratório de análises clínicas – qualquer hospital que tenha o aparelho de luz infravermelha pode analisar o material.
Servidores docentes e técnico-administrativos, estudantes e funcionários terceirizados podem se submeter aos exames. Outras informações podem ser solicitadas pelo e-mail lgcmftir@outlook.com.
Fonte: Assessoria de Comunicação Social e Divulgação Científica do ICB (ufmg.br)

Deixe um comentário

Página 1 de 11
Notícias por categoria
Notícias anteriores
Comentários