Get Adobe Flash player
Página 1 de 11

 

 

Discutir os desafios, as limitações e as novas abordagens para a compreensão das ciências pela sociedade, com foco na comunicação e recepção da divulgação científica, é o objetivo do 8º Fórum de Cultura Científica da UFMG, que será realizado nesta quarta-feira, dia 13, pela Diretoria de Divulgação Científica (DDC), da Pró-reitoria de Extensão (Proex).

O grande desafio da divulgação científica era saber lidar com a falta de informação e garantir à sociedade o direito ao acesso e ao conhecimento. Nos dias atuais, o desafio é outro. “Hoje, é necessário compreender como a informação circula nas redes sociais. É preciso saber como lidar com o excesso de informações e as fake news, de forma a combater a desinformação e suas consequências”, explica Yurij Castelfranchi.


O professor Carlos D’Andréa, do Departamento de Comunicação Social da Fafich, é pesquisador de mídias sociais e um dos convidados da mesa de debates. O professor abordará como as plataformas de mídias sociais – Facebook, Twitter, Uber, Airbnb, Youtube, entre outras – funcionam como ambientes de divulgação científica, além de grandes laboratórios de produção de conhecimentos devido aos mecanismos de algoritmos e armazenamento de dados que possuem. “A proposta é estimular um olhar duplo: compreender como a ciência circula nas redes sociais e perceber como ela é reinventada pelas mesmas plataformas sociais”, analisa.


O Fórum começa às 18h, no Auditório 1 da Face, campus Pampulha. As inscrições são gratuitas. Os interessados devem preencher, até o dia do evento, o formulário de inscrição.

Deixe um comentário

Página 1 de 11
Notícias por categoria
Notícias anteriores
Comentários