Get Adobe Flash player
Página 1 de 11

.

Os Técnico-Administrativos do Campus Saúde da UFMG realizaram, na última quinta-feira, um protesto contra as mudanças nas regras de utilização do estacionamento do local e apresentaram suas demandas a comissão que propôs as alterações.

.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores nas Instituições Federais de Ensino (SINDIFES), as vagas reservadas aos diretores (que não participam do rodízio já estabelecido no local) foram ocupadas como forma de protesto.

.

O sindicato informou que as demandas dos trabalhadores para a comissão são a  permanência do rodízio com intervalos de um dia somente; redução do aumento de quase 100% da taxa de utilização do estacionamento; suspensão do cadastramento de novos usuários até que o recadastramento dos atuais esteja finalizado; mais flexibilidade nos 30min no prazo para retirada do carro, pois ele é insuficiente para a passagem de plantão e troca de roupa;   representação da Categoria na Comissão.

.

A Direção do SINDIFES propôs ainda produzir uma campanha para que os usuários do estacionamento respeitem as regras. O estacionamento do campus saúde possui 512 vagas e tem cerca de 900 usuários cadastrados.

Deixe um comentário

Página 1 de 11
Notícias por categoria
Notícias anteriores
Comentários