Get Adobe Flash player
Página 1 de 11

Este curso de especialização tem suas origens no Dispositivo de Análise Pluridisciplinar de Situações de Trabalho (APST), criado em 1983 pelos Professores Yves Schwartz, Daniel Faïta e Bernard Vuillon na Aix-Marseille Université na França que deu origem ao Instituto de Ergologia (www.ergologie.com).

Objetivo                                                        

Aprofundar a qualificação profissional através da mobilização, articulação e sistematização de novos conhecimentos sobre o trabalho humano no confronto entre saberes acadêmicos e saberes produzidos na experiência laboral, de modo a compreender e transformar o trabalho.Não há área de concentração específica, parte-se do pressuposto epistemológico de que a abordagem do trabalho merece investimentos interdisciplinares, multidisciplinares e transdisciplinares. O curso foi organizado com base no referencial teórico-metodológico da abordagem ergológica do trabalho que convida ao debate entre as diversas ciências epistêmicas e destas com a experiência de trabalho real. As disciplinas metodológicas servirão de eixo epistêmico e metodológico para todo o curso, visando assegurar nossos princípios pedagógicos. Tais disciplinas ainda visam a preparação para a realização pelos próprios alunos de projetos de análise e intervenção de situações reais de trabalho que culminarão na realização de um Trabalho de Conclusão do Curso – TCC.

Público alvo: Grupos de trabalhadores, estudantes cujo desejo seja compreender e transformar o trabalho.

Período – horário: O curso será de caráter presencial, oferecido quinzenalmente, às sextas-feiras, à noite (5h/a) e aos sábados (10h/a).

Inscrições: de 02 de maio a 30 de junho 2015

Informações sobre o processo seletivo 2015: www.cursoseeventos.ufmg.br ou (31) 3409-6153

Deixe um comentário

Página 1 de 11
Notícias por categoria
Notícias anteriores
Comentários