Get Adobe Flash player
Página 1 de 11
A Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte (SMSA) participou na manhã dessa sexta-feira, (19/07) na prefeitura da capital, da Oficina Estadual de Mobilização de Adesão dos Municípios ao Programa Mais Médicos e oficializou sua adesão ao programa.

Instituída por medida provisória pela Presidente da República, Dilma Rousseff, a iniciativa ofertará bolsa de R$ 10 mil, paga pelo Ministério da Saúde, aos médicos que atuarão na atenção básica da rede pública de saúde. Os médicos que aderirem terão acompanhamento de supervisão de instituições públicas de ensino. O programa tem a duração de três anos.

“Belo Horizonte apóia a iniciativa do Ministério da Saúde, iniciativa corajosa, mas fundamental para melhorarmos a saúde em BH; Nossa cidade vai aderir ao Programa e receberá 120 profissionais”, afirmou o secretário municipal de Saúde, Marcelo Teixeira.

“O mais importante é dizer que Belo Horizonte apóia totalmente a iniciativa do Governo Federal em todos os seus desdobramentos”, disse o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda.

De acordo com dados, do Ministério da Saúde, o Brasil possui uma média de 1,8 médicos para 1 mil habitantes, uma média inferior a países como Argentina, Uruguai, Portugal e Espanha. Em todo o país, existem setecentos municípios que não tem sequer um só médico residindo na cidade. “Com o Programa Mais Médicos vamos proporcionar, não somente mais profissionais, como também melhores condições para os médicos trabalharem”, afirmou o Secretário de Atenção à Saúde, do Ministério da Saúde, Helvécio Miranda Magalhães Júnior.

Além do aumento de números de profissionais, serão criadas ainda 11,5 mil novas vagas de graduação e 12,4 mil novas bolsas de formação de especialistas médicos. Somente para a região Sudeste serão 3.185 novas vagas de graduação e 5.177 novas vagas para residência médica.

“O Programa é uma questão de saúde pública que tem que ser desprendido de qualquer interesse, pois, o interesse é público, em pró da sociedade e esperamos que ainda em 2013, possamos alcançar resultados práticos” , disse o presidente da Frente Mineira de Prefeitos e Prefeito de Divinópolis, Vladimir Azevedo.

O evento teve ainda a participação de Luiz Cláudio Costa, presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP), da subsecretária de Regulação em Saúde da Secretaria de Estado de Saúde, Maria Letícia Campos, representando o Governador Antonio Anastasia; além de representantes de vários municípios mineiros.

A coordenadora geral de Saúde Pública de Taquaraçu de Minas, Pávila Cristina, destacou a importância do Programa. “A adesão ao Programa é importantíssima para a obtenção de mais recursos, estratégias e propostas para a contratação de médicos da família com constância na Atenção Primária de saúde do município; independente se profissionais médicos, formados ou residentes, brasileiros ou estrangeiros, mas que todos estejam com o propósito de proporcionar maior qualidade na saúde dos familiares taquaraçuenses”, afirmou.

Médicos Rede SUS-BH

Em 2009, a SMSA contava com 2.400 médicos. Atualmente, são 2.679 profissionais, o que representa um aumento de 11, 6%. Em 2011, a PBH nomeou 471 profissionais aprovados em concurso realizado em 2000. Também em 2011, houve nomeação e lotação de 376 profissionais aprovados no concurso de 2006.

No final de 2011 a SMSA realizou concurso público para profissionais da saúde. Foram disponibilizadas 1.518 vagas, entre médicos, enfermeiros e agentes de saúde. Até o momento, 1.047 médicos já foram nomeados, no total, entre médicos e outros profissionais de saúde, foram nomeados 2.497.

Além disso, a SMSA mantém uma constante política de chamamentos públicos para contratação de médicos, e no início do mês de julho publicou no DOM chamamento público para processo seletivo para contratação temporária e formação de cadastro de reserva de médico cardiologista, clínico de apoio, generalista, neurologista, neurologista pediátrico, ortopedista e psiquiatra.Fonte:PBH-19/07/13

| Voltar

Deixe um comentário

Página 1 de 11
Notícias por categoria
Notícias anteriores
Comentários